parallax background
Descoberto local onde Van Gogh pintou sua última obra

Em 27 de julho de 1890, Vincent van Gogh, que vivia em uma pousada em Auvers-sur-Oise, na França, saiu, como sempre fazia, com uma tela para pintar. Naquela noite, ele voltou para a pousada com um ferimento fatal à bala. Ele morreu dois dias depois.

Há mais de 130 anos, estudiosos especulam sobre a sequência de eventos daquele dia, e, agora, Wouter van der Veen, diretor científico no Instituto Van Gogh, afirma ter descoberto uma importante peça do quebra-cabeça: o local exato onde Van Gogh criou sua última pintura: Raizes de árvores.

Van  der Veen estava olhando alguns cartões postais centenários, quando se deparou com uma imagem que incluía troncos de árvores e raízes retorcidas ao longo da Rue Daubigny, uma estrada principal em Auvers-sur-Oise, a apenas 150 metros do albergue onde Van Gogh passou os últimos 70 dias de sua vida.

Cartão postal que levou Wouter van der Veen a supor ter sido este o cenário do último quadro de Van Gogh

Cartão postal que levou Wouter van der Veen a supor ter sido
este o cenário do último quadro de Van Gogh

A descoberta é relevante não apenas porque agora sabemos onde foi pintado o quadro, mas principalmente porque pode ajudar a entender melhor como Van Gogh passou seu último dia de trabalho. Por exemplo, a luz do sol pintada por Van Gogh no quadro indica que as últimas pinceladas foram feitas no final da tarde. E essa informação por si só já é muito importante. , É verdade que ainda há muito mistério acerca da morte tão trágica de Van Gogh, mas essa descoberta traz mais informações sobre o curso daquele dia dramático que terminou em seu suicídio. Quem sabe um dia não se descobre tudo?!
Van Gogh, Raízes de Árvores, Auvers-sur-Oise, Museu Van Gogh, Instituto Van Gogh

Van der Veen imediatamente notou a semelhança das raízes e dos troncos emaranhados e retorcidos da fotografia com as representações de Van Gogh em Raizes de árvores.

“Cada elemento desta pintura misteriosa pode ser explicado pela observação do cartão-postal e da localização: a forma da encosta, as raízes, a relação entre si, a composição da terra e a presença de uma face íngreme de calcário. O local também é consistente com o hábito de Van Gogh de pintar motivos em suas imediações”, explicou Van der Veen.

Cerca de 45 a 50 por cento das raízes e dos troncos retratados na pintura de Van Gogh ainda podem ser vistos no lugar. Ignorada por anos pelos moradores de Auvers, a colina agora tornou-se local de peregrinação para os fãs do pintor holandês. As autoridades tiveram de colocar uma estrutura de madeira para proteger o local.

A colina ainda se parece com a imagem pintada por Van Gogh há 130 anos

A colina ainda se parece com a imagem pintada por Van Gogh há 130 anos

A descoberta é relevante não apenas porque agora sabemos onde foi pintado o quadro, mas principalmente porque pode ajudar a entender melhor como Van Gogh passou seu último dia de trabalho. Por exemplo, a luz do sol pintada por Van Gogh no quadro indica que as últimas pinceladas foram feitas no final da tarde.

É verdade que ainda há muito mistério acerca da morte tão trágica de Van Gogh, mas essa descoberta traz mais informações sobre o curso daquele dia dramático que terminou em seu suicídio. Quem sabe um dia não se descobre tudo?!

Carolina Horta
Carolina Horta
Carolina Horta é formada em História da Arte pela Universidade de Londres e tem cursos de especialização pela “Sotheby’s Institute of Art”. Ela é servidora pública federal e trabalha no exterior há quase nove anos. Atualmente, mora em Varsóvia, na Polônia; antes disso, morou em Londres por mais de seis anos. Morando há tantos anos na Europa, ela tem tido o privilégio de frequentar feiras, bienais, exposições e inúmeros museus, assim como ter acesso a um rico e extenso material sobre arte. Arte até Você é um projeto que nasceu de sua paixão pela arte e de sua vontade de compartilhar e fazer chegar essa paixão aos leitores, onde quer que eles estejam. Sua intenção é informar, inspirar e fazer com que mais pessoas se apaixonem pela arte.

1 Comment

  1. Rita de Cassia disse:

    Carolina, adorei saber mais essa história da vida de Van Gogh, onde foi pintado seu último quadro.
    Gostaria de compartilhar com o grupo de Paris , mencionando seu nome se vc me autorizar. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *